5 dicas para um sombreamento suave no desenho realista

Por Samuel Torres 28 de agosto de 2018

COMPARTILHE:
desenhos a lápis
5 dicas para um sombreamento suave no desenho realista
5 (100%) 1 vote

A técnica do desenho realista consiste, basicamente, em sombreamentos. E quando se fala em sombreamento, logo se pensa naquele lápis 6B da Faber-Castell e usá-lo deitado, não é mesmo?

Porém, quando se busca desenvolver essa técnica, alguns detalhes devem ser levados em conta para que seja possível alcançar um sombreamento bem suave e homogêneo. Vamos tentar esclarecê-los aqui.

Tipos de lápis

É importante ficar atento ao tipo de lápis que usa.

Lápis de baixa qualidade não são indicados pois em certos casos podem apresentar fuligem na mina (aquelas “pedrinhas” no meio do grafite). Além de incomodar na hora de sombrear, também prejudica a qualidade do sombreamento.

Se optar por usar lápis mais baratos, uma marca que recomendamos são os Faber-Castell da série 9000.

Algumas marcas (importadas) que nós da equipe do Charles já usamos e indicamos:

  • Staedtler.
  • Mitsubishi.
  • Caran D’Ache.
  • Cretacolor.
  • Derwent.

Lápis de escrever não costumam ser bons para sombreamento. Use preferencialmente aqueles graduados (2H, HB, 2B, por exemplo).

Evitando a porosidade

A textura do papel é importante para facilitar a aderência do grafite. Porém, em excesso pode deixar o sombreamento muito rústico, o que não é recomendado no desenho realista.

Por outro lado, papéis extremamente lisos também costumam não ser muito bons pois a falta de aspereza dificulta o sombreamento. O lápis “não pega” direito e é difícil de escurecer, podendo ainda apresentar manchas.

Algumas dicas:

  • Se for usar um papel mais texturizado, o verso costuma ser um pouco mais liso. É mais indicado para um sombreamento mais suave.
  • Evite usar o lápis deitado, isso pode até tornar mais fácil o sombreamento, porém, o deixa mais rústico.
  • Deixe o lápis sempre bem apontado. Pontas arredondadas pode facilitar o sombreamento, mas também o deixa poroso. Por isso, o melhor caminho é deixar a ponta sempre longa e fina, e ir treinando a leveza da mão.

Evitando deixar “rabiscado”

Assim como a porosidade, é importante também que o sombreamento não fique com o aspecto riscado (mostrando os traços do lápis).

Portanto fique atento a alguns detalhes:

  • Paciência é fundamental. Quando se deixa levar pela ansiedade ou pressa, começa-se a sombrear de forma mais rápida, aumentando, assim, a chance de deixar riscado ou com falhas.
  • Leveza da mão. Esse é o fator mais importante para se obter um sombreamento suave. Usar o lápis mais em pé pode aumentar as chances de que o sombreamento fique riscado. Desse modo, é importante treinar a leveza e controle da mão. O que só se alcança praticando, e praticando bastante.

Desenho realista

Dicas de como usar o lápis

  • Segure-o na mesma posição que se segura para escrever, evite usá-lo deitado.
  • Mantenha-o sempre bem apontado.
  • Treine bastante o controle e leveza da mão. Ter a “mão pesada” não ajuda.
  • Apontadores de manivela são uma excelente recomendação. Além de proporcionar uma ponta longa e fina, agiliza o processo de apontar.
  • Na falta do apontador de manivela, pode-se usar o estilete para apontá-lo.

Controle a ansiedade

Mais importante que o material ou a forma como o usa, é saber controlar a ansiedade. Essa é a principal vilã do desenho realista.

Algumas dicas que podem te auxiliar:

  • Não tenha pressa. Esse é o principal causador da ansiedade. Quando estiver desenhando, dedique o tempo que for necessário para fazer o melhor trabalho possível.
  • Preste atenção na forma como segura o lápis e como sombreia. Contenha-se e tente caprichar o máximo possível. Você vai ver que o sombreamento pode deixar de ser chato e tedioso e começar a ser desafiador e gratificante.
  • Encare qualquer desenho que esteja fazendo ou até mesmo um simples treino como uma obra de arte. Dê tudo de si e buscando sempre o melhor resultado.
  • Pratique bastante. Não nascemos pacientes, precisamos cultivar essa habilidade.

 

Confira também 17 dicas para saber se seu desenho está claro ou escuro!

COMPARTILHE:
Entre para a nossa lista VIP.